Futebol

TAD revoga castigos aos sportinguistas Neto e Miguel Braga

TAD revoga castigos aos sportinguistas Neto e Miguel Braga

As críticas à arbitragem de Jorge Sousa, num Braga-Sporting, em setembro de 2020, valeram ao central a suspensão de um jogo, aplicada pelo Conselho de Disciplina da FPF.

Um ano depois da decisão, o Tribunal Arbitral do Desporto revogou os castigos aplicados a Neto (um jogo de suspensão e multa de 2550 euros) e a Miguel Braga, diretor de comunicação do Sporting que havia sido suspenso por 45 dias, por causa das críticas que ambos dirigiram à arbitragem de Jorge Sousa, no Braga-Sporting de setembro de 2020.

No caso do central, que não chegou a cumprir esse castigo uma vez que o Sporting interpôs uma providência cautelar, o TAD considera que as declarações em causa não visaram diretamente o árbitro do jogo e nesse sentido não podem ser consideradas injuriosas e grosseiras.

Por outro lado, a decisão de revogar o castigo a Miguel Braga sustenta-se no facto de o responsável pela comunicação do clube leonino não poder ser qualificado como dirigente, o que "dita a inaplicabilidade ao caso do ilícito disciplinar".

Dizer ainda que o Tribunal Arbitral do Desporto decidiu manter a multa de 20.400 euros aplicada ao Sporting na sequência desse mesmo jogo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG