Tondela - Gil Vicente

Penálti e expulsão madrugadora tramam o galo

Penálti e expulsão madrugadora tramam o galo

Fortaleza beirã palco da quinta vitória seguida. Rúben Fernandes vê vermelho, logo no começo

Se há uma equipa com duas caras na Liga essa é o Tondela. O rendimento em casa é de equipa grande (sete vitórias, a quinta consecutiva), mas fora de casa é um autêntico desastre (apenas um empate e nove derrotas). O triunfo sobre o Gil Vicente é construído num contexto particular, pois o momento decisivo surge logo aos cinco minutos com penálti para o Tondela e expulsão de Rúben Fernandes, que viu a bola bater-lhe no braço, impossibilitando que Mario Gonzalez abrisse o ativo. A dupla punição acabou com João Pedro a mostrar a frieza e competência habitual nos penáltis.

A partir daí, assiste-se ao domínio tondelense, diante de um galo corajoso que se manteve vivo porque Denis foi mostrando mãos de ferro aos remates de Salvador Agra e Tiago Almeida. Na primeira parte, Lourency, num remate cruzado, avisou que o Gil estava em campo.

Na segunda parte, Gonzalez ameaçou o 2-0, mas o Gil Vicente, com muita organização, disfarçou a inferioridade numérica e também esteve perto do golo, mas Trigueira travou o cabeceamento de Rodrigo.

Veja o resumo do jogo:

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG