Futebol

Tottenham de Mourinho perde em Brighton e atrasa-se na luta pelo top 4

Tottenham de Mourinho perde em Brighton e atrasa-se na luta pelo top 4

O Tottenham de José Mourinho somou, este domingo, a segunda derrota (1-0) seguida na Liga inglesa, na visita ao Brighton e falhou a aproximação aos lugares cimeiros, no jogo que fechou a 21.ª jornada.

Poucos dias depois de terem perdido na receção ao Liverpool (3-1), os londrinos, que não contaram com o lesionado Harry Kane, foram surpreendidos no reduto do 17.º classificado, graças a um golo do belga Leandro Trossard, aos 17 minutos, que deixou os seagulls sete pontos acima da zona de despromoção.

O Tottenham mantém-se no sexto lugar, com 33 pontos, os mesmos do Chelsea e do Everton, e a seis do Leicester (39), que hoje perdeu com o Leeds e ocupa o quarto posto, o último de acesso direto à fase de grupos da Liga dos Campeões da próxima temporada.

De resto, os spurs também falharam a ultrapassagem ao West Ham, quinto, com 35 pontos, que perdeu por 3-1 na receção ao campeão em título, Liverpool.

A segunda vitória seguida dos reds foi construída com três golos de elevada qualidade técnica, a começar pelo tento inaugural de Mohamed Salah, que abriu o marcador aos 57 minutos, com um remate em arco, dentro da área dos 'hammers' e rodeado de adversários.

O avançado egípcio, que não marcava para o campeonato desde 19 dezembro, 'bisou' aos 68 minutos, concluindo, com dois toques, um contra-ataque desenhado por Trent Alexander-Arnold e Xherdan Shaqiri, antes de o holandês Giorginio Wijnaldum aumentar a contagem, aos 84, após uma excelente jogada de envolvimento coletivo.

O West Ham, que procurava a quinta vitória seguida na prova, apenas conseguiu atenuar os números da derrota, com um golo do central Craig Dawson, aos 87 minutos.

PUB

O Liverpool subiu ao terceiro lugar da Premier League, com 40 pontos, mantendo-se a quatro do líder Manchester City (44) - que tem menos um jogo - e a apenas um do vice Manchester United (41), que no sábado empatou 0-0 com o Arsenal.

Para esta ascensão dos campeões ingleses ao pódio contribuiu o Leicester, que caiu (3-1) na receção ao Leeds e acabou por ser ultrapassado pelos reds, apesar de se ter adiantado no marcador bem cedo, aos 13 minutos, por intermédio de Harvey Barnes.

No entanto, os comandados do argentino Marcelo Bielsa deram a volta ao resultado, com Patrick Bamford em destaque. O avançado do Leeds esteve nos três golos, ao assistir Stuart Dallas no primeiro, aos 15 minutos, marcar o segundo, aos 70, e voltar a fazer o passe para o terceiro, da autoria de Jack Harrison, aos 84.

Já o Chelsea conseguiu o primeiro triunfo na era Thomas Tuchel, ao segundo jogo, ao vencer em casa o Burnley por 2-0, com golos dos laterais espanhóis. O lateral direito e capitão César Azpilicueta marcou o primeiro, aos 40 minutos, e o lateral esquerdo Marcos Alonso o segundo, aos 84.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG