Futebol

Vale Fábio Vieira contra o desperdício

Vale Fábio Vieira contra o desperdício

Seleção portuguesa de sub-21 bate Bielorrússia e entra a ganhar na qualificação para o Euro2023. Médio do F. C. Porto decidiu de penálti. Ineficácia impediu resultado mais confortável.

Sem surpresa, embora com um resultado mais apertado do que era suposto, Portugal bateu a Bielorrússia e iniciou a fase de apuramento para o próximo Campeonato da Europa com uma vitória. Três meses depois da derrota na final do último Europeu e com uma equipa muito diferente desse jogo com a Alemanha, a equipa das quinas foi feliz graças a uma grande penalidade de Fábio Vieira, um dos resistentes que lideram a mudança de ciclo.

Na estreia no Grupo 4 da qualificação, e já depois de todas as outras seleções se terem estreado, Portugal acabou o encontro com cerca de 75% de posse de bola e com mais de 20 remates. Atacou muito, e muitas vezes bem (mais na primeira parte), mas também sentiu algumas dificuldades defensivas, com o guarda-redes estreante, João Gonçalves, a ser chamado a intervir algumas vezes. Foi, portanto, uma exibição mais convincente do ponto de vista ofensivo, à qual só faltou mais eficácia. Antes da meia-hora, Gonçalo Ramos, André Almeida e Fábio Silva desperdiçaram oportunidades soberanas e foi Fábio Vieira a evitar que a intranquilidade se apoderasse dos jovens lusitanos.

Perante um adversário que nunca abdicou do 5x4x1, o jogo português foi perdendo fluidez. O selecionador Rui Jorge ainda mexeu nos nomes e nas dinâmicas, mas os últimos minutos foram mais de contenção e de evitar o empate do que tentar aumentar a vantagem. E o mais importante foi conseguido.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG