SLB

Vieira garante "luta contra certos comportamentos"

Vieira garante "luta contra certos comportamentos"

Gala Benfica - 107.º Aniversário, o presidente Luis Filipe Vieira assinalou as mudanças profundas no clube na última década e assegurou que se vai continuar "a lutar contra certos comportamentos que ainda resistem" no futebol português.

Luís Filipe Vieira considerou que o Benfica "recuperou a sua força e a sua credibilidade e notou que o clube "uniu-se", um percurso feito "de debate, consenso e discussão", que permitiram "construir as bases deste novo Benfica".

"Mesmo sem ganhar, desportivamente, nunca perdemos o país, porque sempre respeitámos o futebol, os adeptos e os adversários. Sempre cumprimos as regras, nunca tivemos qualquer complexo e, principalmente, nunca precisámos de omitir o nome do adversário ou de não mostrar a sua bandeira", afirmou, aludindo ao facto de no estádio do Dragão, do F.C. Porto, nunca ser referido o nome da equipa 'encarnada' nem hasteada a bandeira do clube da Luz.

No entender do presidente do Benfica, "isso são manobras de quem não tem ética, de quem não percebe o futebol, mas, principalmente, de quem não percebe a dimensão da própria instituição que dirige".

Vieira afirmou que o Benfica tem "outra grandeza e outra alma" e um modo diferente "de pensar e agir", razão por que, no seu entender, o emblema da Luz é o "maior clube português".

"O Benfica tem a ver com as pessoas. Tem a ver com determinação, com ambição. Tem a ver com trabalho, com empenho, mas tem, essencialmente, a ver com dignidade. É esse o segredo do Benfica", disse.

O dirigente sublinhou ainda a memória do clube e referiu-se a Cosme Damião, um dos fundadores do Benfica, anunciando que vai propor o nome para o futuro Museu do Benfica.

PUB

A Gala Benfica - 107.º Aniversário, com a presença da equipa principal do clube, que abandonou o casino já passava da meia-noite, reuniu mais de mil convidados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG