Desporto

Villa partiu a perna no jogo que levou Barcelona à final do Mundial de Clubes

Villa partiu a perna no jogo que levou Barcelona à final do Mundial de Clubes

O FC Barcelona goleou, esta quinta-feira, o Al-Sadd, do Qatar, por 4-0, em Yokohama, no Japão, e qualificou-se para a final do Mundial de clubes de futebol, na qual vai defrontar os brasileiros do Santos. David Villa fracurou a perna e deve parar entr quatro a seis meses.

Os brasileiros Adriano, aos 25 e 43 minutos, e Maxwell, aos 81, e o maliano Keita, aos 64, apontaram os tentos dos campeões europeus e espanhóis em título, que vão tentar repetir domingo o triunfo de 2009.

Os catalães venceram o encontro, mas podem ter perdido David Villa para o resto da temporada, já que o avançado internacional espanhol fracturou a tíbia esquerda, no decorrer da primeira parte.

A grave lesão já foi confirmada pelo sítio oficial do FC Barcelona, sendo que o jogador foi transportado para o Hospital Yokohama Rosai, depois de ser substituído aos 37 minutos, na estreia dos catalães no Mundial de clubes.

De acordo com a imprensa espanhola, David Villa poderá parar entre quatro a seis meses, sendo que, no pior dos cenários, poderá estar em causa a sua participação na fase final do Euro2012 (8 de Junho a 1 de Julho).

Villa não tem sido muito feliz na presente temporada, ao serviço do FC Barcelona, e foi mesmo suplente frente ao Real Madrid (3-1), no sábado, mas tem sido determinante na selecção, da qual é o melhor marcador de sempre (51 golos).

"Villa rompe a tíbia e diz quase adeus ao Europeu", diz a madrilena Marca, sendo que o El País também fala numa paragem de "seis meses".

Por seu lado, o El Mundo Deportivo, da Catalunha, é mais optimista, apontando para uma paragem "entre quatro a seis meses".

O jogador lesionou-se sozinho, num encontro em que o "Barça" goleou por 4-0, garantindo um lugar na final do Mundial de clubes, que disputará domingo, em Yokohama, face aos brasileiros do Santos.

Outros Artigos Recomendados