Futebol

Vizela ganha nova alma com a subida à Liga

Vizela ganha nova alma com a subida à Liga

População saúda a equipa pela ascensão à Liga. Presidente da Câmara pede ao treinador Álvaro Pacheco para continuar.

Os vizelenses passaram a ter mais um feito para celebrar. Após terem conseguido a independência administrativa de Guimarães, tornando-se concelho a 19 de março de 1998, o dia 22 de maio de 2021 ficará marcado pelo regresso do FC Vizela à elite do futebol nacional, após 37 anos da primeira e única participação.

Victor Hugo Salgado, presidente da autarquia, recebeu e homenageou os heróis, premiando uma equipa que esteve 26 jogos consecutivos sem perder, que teve o melhor ataque da competição, o melhor marcador, Cassiano, com 16 golos, e o rei das assistências, Kiko Bondoso, com dez passes decisivos.

A festa começou cedo. Nos momentos que antecederam a homenagem, milhares de vizelenses juntaram-se na Praça do Município, aproveitando as músicas afetas ao clube e ao concelho para dar uns passos de dança, mas com a indumentária a rigor. Entre camisolas, cachecóis e bandeiras, a praça coloriu-se de azul e branco para celebrar uma das datas mais importantes para o município: a subida à Liga. E isto depois de na época passada o clube ter garantido a ascensão à Liga 2.

Os aplausos entoaram na chegada da comitiva e ganharam força quando Victor Hugo Salgado lançou um apelo a Álvaro Pacheco. "Por favor, não nos abandone", considerando que o treinador, que tem mais um ano de contrato, personifica o que é ser "vizelense". O presidente prometeu ainda continuar a ajudar o clube. "Vizela está onde merece estar. Vizela é assim e luta até ao fim", assumiu, depois, o treinador.

Eduardo Guimarães, presidente do clube, perspetiva que o Vizela será um "crónico participante na primeira Liga". Já o presidente da SAD, Diogo Godinho, deixou um agradecimento aos adeptos. "Mesmo sem estarem presentes, fizeram-se ouvir e foram importantes para o sucesso".

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG