O Jogo ao Vivo

Fact Check

Costa acusou Rio de estagnar a economia. Tem razão?

Costa acusou Rio de estagnar a economia. Tem razão?

Costa acusou Rio de usar crescimento médio dos últimos 20 anos para "esconder a realidade dos últimos seis".

"Virámos a página da estagnação. Desde que sou primeiro-ministro, o país cresceu em média 2,8% por ano" - António Costa, primeiro-ministro

PUB

A economia está estagnada?

Apesar de Costa realçar o desempenho económico desde 2015, há factos inegáveis: entre 1999 e 2019, Portugal foi o terceiro país da UE que menos cresceu. A economia terá crescido 4,8% em 2021 e estima-se 5,8% para 2022. São apenas dois anos positivos depois de bater no fundo devido à pandemia em 2020. Para 2023 e 2024, o crescimento será bem menor.

O que dizem os economistas?

Teixeira dos Santos, ex-ministro das Finanças do PS, escreve em livro, que "com o virar do século, a taxa de crescimento médio anual diminui de forma muito significativa". Fernando Alexandre, Luís Aguiar-Conraria e Pedro Bação falam mesmo de uma longa estagnação desde o início do século.

Quem tem razão?

Costa tem razão quando refere alguns anos específicos. Rio tem visão de longo prazo, que bate certo com os dados, não havendo aí qualquer distorção dos factos. Costa acusou Rio de usar o crescimento médio dos últimos 20 anos para "esconder a realidade dos últimos seis".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG