Economia

Actualização do défice resulta de "alteração de metodologia às contas"

Actualização do défice resulta de "alteração de metodologia às contas"

O secretário de Estado do Orçamento declarou este sábado que a actualização do défice português de 2010 deve-se a uma "alteração de metodologia às contas" e assegurou que o impacto nas contas de 2011 e 2012 será praticamente nulo.

"Trata-se de uma nova orientação do Eurostat que nós naturalmente partilhamos. São alterações que visam tornar as contas completamente transparentes. (...) Não se trata de nova informação, porque ela existe, trata-se de uma alteração de metodologia às contas", disse Emanuel dos Santos à agência Lusa, reiterando que este novo tratamento não vai sobrecarregar os orçamentos de 2011 e 2012.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) reviu em alta o défice de 2010 para 9,1% do Produto Interno Bruto (PBI), resultado do impacto de três contratos de parcerias públicas privadas (PPP).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG