Oi

Altice dá 7,4 mil milhões e ganha corrida à PT

Altice dá 7,4 mil milhões e ganha corrida à PT

O grupo francês Altice aumentou de 7,025 mil milhões de euros para 7,4 mil milhões a oferta de compra dos ativos da PT Portugal, a dona da Meo e do Sapo.

Com esta nova proposta garantiu o favoritismo dos acionistas brasileiros da Oi, deixando para trás na corrida a Apax/Bain, em cujo consórcio participa a Semapa de Pedro Queiroz Pereira. Esta não alterou a sua proposta inicial de 7,075 mil milhões. A maratona de negociações entre sexta-feira e este domingo, conduzida por Bayard Gontijo, presidente da Oi, e pelo banco BTG Pactual, permitiu chegar a um acordo que irá agora ser levado, na quinta-feira, ao Conselho de Administração da operadora brasileira Oi.

No negócio agora fechado, a parcela dos pagamentos diferidos de 800 milhões de euros, ou seja, a financiar com receitas futuras geradas pela própria PT Portugal, foi reduzida para 500 milhões, entre outras concessões.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG