Economia

BE acusa Governo de mentir e ser fanático por austeridade

BE acusa Governo de mentir e ser fanático por austeridade

O líder parlamentar do Bloco de Esquerda acusou, esta quarta-feira, o Governo da maioria PSD/CDS-PP de "mentir descaradamente ao país" e de as suas políticas espelharem "fanatismo" pela austeridade, ao comentar um relatório do FMI.

"O Governo anda a mentir descaradamente ao país. Diz que os cortes são temporários e o relatório diz que são permanentes. Diz que os sacrifícios poderão estar a chegar ao fim e o FMI diz-nos que são para continuar em 2015 e em 2016. Diz-nos que a austeridade tem fim e o relatório diz-nos exatamente o contrário", afirmou Pedro Filipe Soares, nos Passos Perdidos da Assembleia da República.

O deputado bloquista comentava o relatório do FMI sobre as oitava e nona avaliações do programa de assistência financeira a Portugal.

Para o parlamentar do BE, o documento torna claro que "o fanatismo daqueles que só estão bem a cortar salários, a cortar na vida das pessoas" e que "não há saída neste caminho senão continuar a cortar na vida e nos salários".

Outras Notícias