troika

Bilhetes de comboio de longa distância ao estilo "low cost"

Bilhetes de comboio de longa distância ao estilo "low cost"

O Governo quer aplicar preços diferenciados aos bilhetes de comboios de longa distância, de acordo com a procura e a antecedência de compra, segundo a nova versão do memorando de entendimento com a 'troika'.

O Governo quer aplicar preços diferenciados aos bilhetes de comboios de longa distância, de acordo com a procura e a antecedência de compra, segundo a nova versão do memorando de entendimento com a 'troika'.

De acordo com o documento a que a agência Lusa teve acesso, esta gestão de preços ('yield management'), semelhante à que é utilizada nas companhias aéreas "low cost", deve ser adoptada no primeiro trimestre de 2012.

Este é uma das medidas previstas para o sector dos transportes ferroviários e que prevê também um corte de, pelo menos, 23% dos custos operacionais da Refer em 2012 face a 2010.

No entanto, não está previsto o aumento da taxa de utilização das linhas ferroviárias para o transporte de mercadorias para evitar "perda de competitividade".

O Governo pretende ainda avançar com a privatização da CP Carga (operador estatal de transporte de mercadorias até meados de 2012.

Os terminais ferroviários actualmente pertencentes à CP Carga devem ser transferidos para outra entidade que garanta igualdade de acesso a todos os operadores de transportes de mercadorias.