Exclusivo

Carros elétricos demoram um ano a ser entregues

Carros elétricos demoram um ano a ser entregues

Fabricantes esperam que situação se normalize no último trimestre.

A vida não está fácil para quem deseja aderir à mobilidade elétrica. A ida a um concessionário (ou a aquisição online) está a revelar-se um pesadelo para os compradores: é preciso ter paciência (muita) e alguma margem de manobra financeira. O aumento dos combustíveis veio acentuar a procura por viaturas elétricas, mas a crise dos semicondutores (que ainda se mantém) e o conflito na Ucrânia levaram a uma forte redução na produção. Ou seja, quase não há carros novos para venda.

Embora as marcas contactadas pelo JN não o digam explicitamente, salvo raras exceções, os prazos de entrega estão a ser atirados para o próximo ano e algumas marcas nem conseguem garantir o preço final do veículo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG