crise

CGTP “convoca” trabalhadores de todas as forças partidárias para a “manif” do dia 29

CGTP “convoca” trabalhadores de todas as forças partidárias para a “manif” do dia 29

A CGTP-IN apelou hoje, sábado, à participação dos trabalhadores portugueses de todas forças partidárias na Manifestação Nacional agendada para 29 de maio, em protesto contra as medidas de austeridade do Governo que classifica de "violentas para os trabalhadores".

"Ou há da parte dos trabalhadores portugueses uma mobilização forte ou teremos, semana após semana, mais um pacote que se vão somando aos detrás. Se houver protesto dos trabalhadores vai haver travagem", disse o secretário geral da CGTP, Carvalho da Silva, no final da reunião da comissão executiva da CGTP-IN e do seu plenário de sindicatos.

A reunião tinha como objectivo analisar as medidas anunciadas pelo Governo para reduzir o défice e decidir que respostas dar.

De manhã, reuniu-se a comissão executiva da Intersindical, que elaborou uma resolução aprovada por unanimidade no plenário dos sindicatos na qual é defendida a intensificação dos trabalhadores e analisado o pacote de medidas do Governo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG