Economia

Desemprego em Portugal é o quinto mais alto dos 30 países da OCDE

Desemprego em Portugal é o quinto mais alto dos 30 países da OCDE

A taxa de desemprego medida pela OCDE para Portugal manteve-se em Setembro nos 10,6%, com o país a manter a quinta mais alta taxa de desemprego dos 30 que compõem a organização.

No conjunto dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), a taxa manteve-se em Setembro, pelo quarto mês consecutivo, nos 8,5%, com o número de desempregados a manter-se nos 45,5 milhões de pessoas.

Portugal mantém-se com a quinta taxa de desemprego mais elevada, depois de Espanha (que subiu para os 20,8%), República Checa (que subiu para os 14,7%), Irlanda (que subiu para os 14,1%) e a Hungria (que baixou para os 10,8%).

As taxas de desemprego mais baixas foram observadas, por sua vez, na Coreia do Sul (3,7%), Holanda (4,4%) e Áustria (4,5%).

A taxa de desemprego média dos países da União Europeia manteve-se, por sua vez, estável nos 9,6%.

Nos países da zona euro, a taxa de desemprego média subiu 0,1 pontos percentuais para 10,1%, depois de ter estado estável nos 10% durante sete meses consecutivos.

No mês em análise, a taxa de desemprego caiu em 4 países para os quais a OCDE tem valores disponíveis, subiu em nove e manteve-se inalterada em 11.

Outras Notícias