Em atualização

Centeno prevê maior crescimento económico desde o tempo de Guterres

Centeno prevê maior crescimento económico desde o tempo de Guterres

É preciso recuar a 1998, ao tempo dos grandes projetos rodoviários e da Expo 98, para se encontrar um impulso económico semelhante, de 4,8% em 2021. Grande diferença é que este salto surge na sequência de quebra histórica de 7,6% por causa da pandemia.

A economia portuguesa pode crescer este ano a um ritmo recorde de 4,8%, prevê o Banco de Portugal (BdP) nas novas projeções que constam do boletim económico de junho, divulgado esta quarta-feira.

É preciso recuar a 1998, ao tempo do governo de António Guterres e dos grandes projetos rodoviários e da Expo 98, para se encontrar um impulso económico semelhante. A grande diferença é que este salto de quase 5% em 2021 surge na sequência de uma quebra histórica de 7,6% na atividade em 2020 por causa dos confinamentos impostos para tentar deter a pandemia covid-19.

Tal como noticiou o Dinheiro Vivo, Mário Centeno assina assim uma forte revisão em alta do crescimento estimado para este ano, alinhando as suas contas com a do Banco Central Europeu (BCE), que na semana passada fez o mesmo em relação à zona euro.

O BdP subiu a fasquia do crescimento previsto para este ano de 3,9% (no boletim de março passado) para os referidos 4,8% agora. No passado dia 10 de junho, o BCE reviu em alta a sua projeção para o conjunto dos 19 países da moeda única de 4% para 4,6% (também entre março e junho).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG