Tecnologia

Com 23 anos e sem curso superior, estes dois jovens ganharam 770 milhões

Com 23 anos e sem curso superior, estes dois jovens ganharam 770 milhões

Henrique Dubugras e Pedro Franceschi são uma das duplas sensação em Silicon Valley, à conta da fintech Brex.

Aos 23 anos e sem curso superior, a dupla tem uma fortuna avaliada em 860 milhões de dólares e o título de startup em acelerado crescimento. Os dois jovens brasileiros ainda chegaram a estar inscritos em Stanford, uma das universidades mais prestigiadas dos Estados Unidos, mas não foram além do primeiro ano de curso.

Quase que se pode dizer que os dois jovens seguem as pisadas de nomes como Bill Gates ou Mark Zuckerberg - todos passaram pela faculdade, desistiram e mais tarde fundaram impérios de milhões. Neste caso, a fintech de Dubugras e Franceschi, a startup Brex, já está avaliada em 2,6 mil milhões de dólares.

Henrique Dubugras, de 23 anos, já tem quase dez anos de experiência no mundo do empreendedorismo, conforme conta a Bloomberg. Aos 14 anos, fundou a primeira empresa, ligada ao mundo dos videojogos, mas o tempo de operação foi curto.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia