O Jogo ao Vivo

Economia

Documentos sobre o BES afinal eram cópias de jornais e declarações na TV

Documentos sobre o BES afinal eram cópias de jornais e declarações na TV

Os deputados nem queriam acreditar no que viam quando os serviços da comissão lhes enviaram, por email, os documento prometidos pelo vice-presidente da Associação Transparência e Integridade.

Paulo Morais tinha-se disponibilizado para enviar à comissão de inquérito a lista dos beneficiários de empréstimos do BES Angola (BESA), que alegava ter em seu poder. Mas tudo o que lhes fez chegar foi uma lista, com 15 nomes, feita por ele próprio, num papel timbrado com o símbolo da associação, sem qualquer documento oficial de suporte.

Além desta lista, Paulo Morais enviou para o Parlamento um conjunto de oito anexos, entre os quais cópias de notícias do jornal angolano "Folha 8", um artigo de opinião assinado por si num jornal nacional e declarações a um canal de televisão por cabo sobre este tema.

Quer testar um partido

Ontem, deputados de todas as bancadas não escondiam a estupefação e o incómodo pelo "bluff" e instrumentalização do Parlamento feita pelo ex-vice-presidente da Câmara do Porto, que já anunciou estar a ponderar a criação de um novo partido.

Os documentos foram pedidos em fevereiro, depois de declarações de Paulo Morais mostrando a sua estranheza pelo facto de a comissão não os ter. "Bastava um telefonema", disse, na altura.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG