Trabalho

Emprego público dispara 3,7% e supera nível do início da troika

Emprego público dispara 3,7% e supera nível do início da troika

Número de empregos na AP ultrapassa já os 731 mil postos de trabalho, superando assim o anterior máximo desta série, atingido no último trimestre de 2011 (727.785 postos), tinha a troika acabado de entrar no país para aplicar um programa de ajustamento.

O emprego público registou um aumento de 3,7% no primeiro trimestre deste ano para 731.258 postos de trabalho. É o maior aumento homólogo (face ao trimestre do ano precedente) da série oficial, divulgada pelo Ministério da Administração Pública (AP), e é também o maior valor absoluto destes registos.

De acordo com os dados da Síntese Estatística do Emprego Público (SIEP), uma publicação trimestral da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP), o emprego na AP supera assim o anterior máximo desta série, atingido no último trimestre de 2011 (727.785 postos), tinha a troika acabado de entrar no país para coordenar com o governo PSD-CDS um pesado ajustamento do setor público e da despesa pública, acompanhado de um "enorme aumento de impostos".

Leia mais em Dinheiro Vivo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG