O Jogo ao Vivo

Novidade

EQS é um modelo elétrico de luxo da Mercedes com autonomia de 770 quilómetros

EQS é um modelo elétrico de luxo da Mercedes com autonomia de 770 quilómetros

A Mercedes apresentou a sua nova proposta elétrica, o topo de gama EQS, que anuncia uma autonomia de 770 quilómetros. Deverá chegar a Portugal no último trimestre deste ano nas versões EQS 450+, com 245 kW (333 cavalos) de potência, e 580 4MATIC, com 385 kW (523 cavalos de potência).

O EQS é o primeiro modelo da marca alemã a dispor de uma plataforma exclusiva para modelos elétricos e exibe um impressionante conteúdo tecnológico a começar pelo coeficiente aerodinâmico (cd) de 0.20 o que, segundo a Mercedes, o torna automóvel mais aerodinâmico produzido em série do mundo.

No interior o destaque vai para o MBUX (Mercedes-Benz User Experience) Hypersecreen, com 141 centímetros de largura, ou seja, vai praticamente de um lado ao outro do carro, parecendo um ecrã contínuo, mas que, na realidade, são três e usam a tecnologia OLED. Um abriga o painel de instrumentos, o outro, ao centro, o sistema de infoentretenimento existindo um terceiro em frente ao passageiro.

O Hyperscreen tem oito núcleos CPU, com 24 GB de memória RAM e 46,4 GB por segundo de largura de banda de memória RAM. Uma câmara multifunções e um sensor de luminosidade adapta a luminosidade dos três ecrãs às condições ambientais.

A Mercedes-EQ utiliza uma lógica de bloqueio inteligente com recurso a uma câmara. Se ela detetar que o condutor está a olhar para o ecrã do passageiro dianteiro, a luminosidade do ecrã é automaticamente reduzida.

Novidades
Destaque para a possibilidade (opcional) de ativar novas funções do veículo através de atualizações remotas (OTA - Over-the-Air) e para a função Energizing Air Control Plus, um sistema que inclui um filtro HEPA (High Efficiency Particulate Air), que permite reter partículas finas, micropartículas, pólen e outras substâncias contidas no ar exterior. O dióxido de enxofre, os óxidos de azoto e os odores também são reduzidos graças ao revestimento de carvão ativado.

Também é possível filtrar o ar interior antes de entrar no veículo e os níveis de partículas no ar exterior e no ar interior do veículo também são apresentados no MBUX e se a qualidade do ar exterior for baixa, o sistema também pode recomendar o fecho dos vidros laterais ou do teto de abrir.

PUB

Carregamentos gratuitos
O EQS pode ser carregado em postos de carregamento rápidos com uma potência de corrente contínua de até 200 kW e bastam 15 minutos para obter energia elétrica suficiente para percorrer 300 quilómetros. Numa wallbox ou em postos de carregamento públicos, o carregador de bordo permite carregar com uma potência AC de até 22 kW.

Através de certificados de origem a Mercedes-Benz garante que a eletricidade de carregamento fornecida pelo Mercedes me Charge é obtida através de energia de fontes renováveis. O programa Mercedes me Charge permite chegar a um posto de carregamento apropriado, ligar a ficha do cabo de carregamento e a corrente elétrica começa a ser fornecida ao veículo, graças ao serviço Plug & Charge.

Com rede a IONITY Unlimited, todos os clientes europeus do Mercedes me Charge podem utilizar a rede de postos de carregamento rápido gratuitamente durante um ano.

O EQS representa mais um passo no objetivo da marca alemã que é o de, em 2030, ter mais de 50 % dos veículos ligeiros de passageiros movidos a eletricidade e a marca garante, por outro lado, que a produção dos veículos é neutra em emissões de CO2, enquanto os materiais utilizados, como os tapetes do piso fabricados em fio reciclado, permitem poupar os recursos naturais.

Está prevista uma versão desportiva com até 560 kW (760 cavalos) e todos os modelo EQS estão equipadas com cadeia cinemática elétrica no eixo traseiro, enquanto as versões com sistema de tração integral 4MATIC integram uma cadeia cinemática elétrica no eixo dianteiro. Disponível, ainda, as quatro rodas direcionais.

O EQS tem um comprimento de 5,21 metros, para uma largura de 1,92 e altura de 1,52 metros. Os dois modelos a primeiro serem comercializados têm uma velocidade máxima limitada a 210km/h e ainda não há preços definidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG