Exclusivo

Falta de semicondutores faz subir preços e ameaça Natal

Falta de semicondutores faz subir preços e ameaça Natal

São minúsculos, mas poderosos. Podem ter menos de um milímetro, mas ameaçam estragar o Natal, pelo menos a parte consumista da celebração, a milhões de pessoas no Mundo. São os semicondutores, componentes eletrónicos que estão em quase tudo na nossa vida atual.

A crise no mercado de semicondutores, componentes minúsculos que permitem aos aparelhos eletrónicos processar dados, está a causar fortes constrangimentos na economia mundial, deixando fábricas de automóveis em pára-arranca. Ameaça também a produção de telemóveis e de uma miríade de aparelhos eletrónicos que fazem parte da nossa vida, incluindo muitos dos brinquedos mais modernos. E vai ter impacto nos preços.

A pandemia de covid-19 no início de 2020 provocou um aumento na procura de aparelhos eletrónicos - computadores, portáteis, monitores extra para o teletrabalho ou apenas novos e maiores televisores para fazer face aos confinamentos. Todos estes aparelhos, como tantos outros hoje que são parte do nosso dia a dia, não funcionam sem semicondutores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG