Economia

IKEA abre terceira fábrica em Paços de Ferreira

IKEA abre terceira fábrica em Paços de Ferreira

A Swedwood Portugal, braço industrial do grupo sueco IKEA, vai abrir, entre Maio e Junho deste ano, a terceira fábrica, em Paços de Ferreira. A nova unidade industrial vai empregar mais 200 trabalhadores, passando a ter cerca de 1330 operários, segundo fonte da empresa.

Esta terceira unidade, designada MPS, destina-se à produção de móveis de estrutura alveolar revestidos a papel ("board on frame) e representa um investimento total superior a 30 milhões de euros.

A nova fábrica integrará o grupo das duas unidades já em funcionamento, dando cumprimento ao cronograma inicial que previa a instalação de três unidades na zona da Seroa, em Paços de Ferreira.

PUB

A Swedwood Portugal prevê, assim, um aumento significativo do volume de negócios nos próximos dois anos, o que justifica a aposta na nova unidade fabril no complexo industrial localizado no Pólo 2 da cidade empresarial de Paços de Ferreira.

O processo de instalação da Swedwood Portugal em Paços de Ferreira teve início em 2007, com a celebração do contrato de investimento com a Câmara de Paços de Ferreira no montante de 135 milhões de euros , valor que aumentará para 155 milhões de euros, acima do inicialmente contratado com a autarquia.

A primeira fábrica foi inaugurada há três anos, no mês de Maio, pelo primeiro-ministro José Sócrates. A actual unidade de "board on frame" existente em Paços de Ferreira exporta directamente para todas as lojas IKEA da Ásia e do Pacífico.

No momento da inauguração da primeira unidade fabril, o presidente do conselho de administração do grupo Swedwood, Bruno Winborg, afirmou aos jornalistas que é a primeira vez na história da empresa que, numa mesma localização, se constroem três fábricas.

O complexo industrial da Ikea em Paços de Ferreira será responsável por um volume de negócios de 200 milhões de euros, exportando 90% da produção e adquirindo em Portugal 60% da matéria-prima usada.

A primeira das três fábricas da Swedwood em Paços de Ferreira produz móveis de estrutura alveolar, enquanto a segunda unidade produz portas de cozinha. A terceira unidade vai fabricar móveis de soluções de armazenamento multiuso.

O concelho de Paços de Ferreira pretende chegar a 2012 com um volume de negócios de mil milhões de euros, mantendo a tendência de queda do desemprego, que passou de 12% há três anos para os actuais 6,8%.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG