Economia

30 gestores recebem mais de um milhão de euros por ano

30 gestores recebem mais de um milhão de euros por ano

A crise não parece ter atingido os gestores das empresas portuguesas cotadas na Bolsa - 30 administradores executivos receberam, no ano passado, mais de um milhão de euros de salário e os órgãos de administração das 44 empresas da Euronext Lisbon viram a remuneração aumentar em mais de 4%. Os números constam no Relatório Anual sobre o Governo das Sociedades Cotadas relativo ao exercício de 2011, divulgado pela CMVM.

De acordo com o documento, os administradores-executivos receberam uma remuneração total de 102 milhões de euros. "30 administradores-executivos receberam mais de um milhão de euros, tendo o valor máximo sido de 2,72 milhões de euros", revela o documento, sem revelar nomes ou especificar as empresas.

Ler mais na versão e-paper ou na edição impressa