BCE

BCE considera que Portugal tem feito "progressos significativos"

BCE considera que Portugal tem feito "progressos significativos"

O presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, disse, esta quinta-feira, que Portugal tem estado a fazer "progressos significativos" mas mostrou-se preocupado com a situação social.

"Progressos muito, muito significativos tiveram lugar", disse Mario Draghi sobre Portugal na conferência de imprensa que se seguiu à realização da reunião do Conselho de Governadores em Liubliana, na Eslovénia.

O responsável tinha sido questionado sobre porque é que a instituição ainda não adquiriu dívida de Portugal no mercado secundário, ao abrigo do novo programa de compra de obrigações soberanas anunciado em setembro.

Em resposta, Mario Draghi disse que os países não se qualificam até que o acesso ao mercado seja completamente restaurado porque o novo programa de compra de dívida "não é um substituto" para o financiamento do mercado.

Sobre a contestação que tem havido em Portugal, o presidente do BCE disse que "partilha a preocupação" para com a situação social, mas que o país tem cumprido o acordado.

Draghi considerou ainda uma boa notícia a troca de dívida que Portugal fez na quarta-feira (em que trocou 3,76 mil milhões de euros de dívida que expirava em setembro de 2013 por dívida que vence em outubro de 2015), mas que ainda não significa acesso completo ao mercado.

Imobusiness