Premium

"Call centers" triplicam faturação mas salários baixam

"Call centers" triplicam faturação mas salários baixam

Funcionários pedem regulamentação e melhores condições de trabalho, incluindo pausas entre chamadas "para poderem respirar".

O volume de negócios dos contact centers triplicou, entre 2016 e 2017, em Portugal, com o grosso das receitas nas empresas de trabalho temporário que servem outras organizações. No mesmo período, o salário médio mensal dos operadores desceu quase 3%, de 792 para 769 euros. No final desta semana, a Assembleia da República vai debater a petição promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores de Call Center (STCC) pela regulamentação da carreira, incluindo a diminuição do horário de trabalho para seis horas diárias e o estatuto de desgaste rápido.

procura GLOBAL