PROCURA UMA EMPRESA?

PESQUISE POR NOME, NIF OU MARCA, GRATUITAMENTE!

Relatórios de todas as empresas portuguesas

Empréstimo

Governo paga 831 milhões de euros ao FMI

Governo paga 831 milhões de euros ao FMI

O Governo pagou esta quarta-feira mais uma parcela do empréstimo ao Fundo Monetário Internacional, no total de 831 milhões de euros, a "'tranche' mais cara do empréstimo".

O Ministério das Finanças informa, em comunicado, que a parcela foi paga antecipadamente, já que correspondia ao período entre maio e junho de 2021.

"A operação permite amortizar a última 'tranche' do empréstimo com a taxa de juro mais elevada (spread de 400 pontos base) e esgota, assim, a segunda autorização para pagamentos antecipados", acrescenta a tutela.

Segundo o executivo, 83% do empréstimo ao FMI já foi liquidado, faltando pagar 4,53 mil milhões de euros.

Acresce que, "passando o valor da dívida a ser inferior a 187,5% da quota portuguesa na instituição internacional, o 'spread' da taxa de juro baixa para 100 pontos base", refere o Ministério das Finanças.

Desde novembro de 2015, altura que o executivo liderado pelo socialista António Costa tomou posse, "as poupanças diretas em juros ascendem a cerca de 864 milhões de euros", destaca a nota.

Adiantando que está a ser equacionada uma nova autorização para pagamentos antecipados, o Governo conclui que o valor total reembolsado é "um marco para a gestão das contas públicas pós-programa de Assistência Económica e Financeira, ao contribuir para a redução do custo de financiamento do Estado e para a melhoria da sustentabilidade da dívida soberana".