Metro

Greve no Metro de Lisboa paralisa circulação até às 10 horas

Greve no Metro de Lisboa paralisa circulação até às 10 horas

A adesão à greve dos trabalhadores das áreas operacionais do Metro de Lisboa ronda os 100% pelo que o serviço só ficará normalizado a partir das 10.30, disse fonte do sindicato.

"Podemos avançar com um número que ronda os 100%. O Metro está parado e vai continuar parado até às 10:00, 10:30, hora em que reabrirá ao público", afirmou Anabela Carvalheira, porta-voz dos trabalhadores do Metro na Federação dos Sindicatos dos Transportes (FECTRANS).

De acordo com a mesma fonte, os trabalhadores das áreas operacionais do Metro de Lisboa vão parar das 05:00 às 10:00, e os trabalhadores administrativos e técnicos superiores paralisam das 08:00 às 12:00.

"Mas obviamente o impacto ao público, não minorando a questão da greve dos administrativos e dos técnicos superiores, reporta-se à fase em que o Metro está encerrado", assinalou Ana Carvalheira.

Num comunicado distribuído à imprensa na quarta-feira, a empresa do Metro de Lisboa estimou que a circulação das composições esteja normalizada pelas 10:30.

Em protesto contra o corte nos salários e subsídios e pela defesa do Metro enquanto empresa pública, os trabalhadores do Metroáde Lisboa já tinham feito uma greve, entre as 05:00 e as 10:00, na quinta-feira da semana passada.

Conteúdo Patrocinado