Economia

Jogo financeiro na Metro custa 628 mil euros por dia

Jogo financeiro na Metro custa 628 mil euros por dia

O buraco cavado pelo jogo financeiro dos "swaps" na Metro do Porto está a agigantar-se. A perda potencial superava os 914,4 milhões de euros, no final de 2012. É quase um quarto do passivo da empresa.

Os prejuízos dos instrumentos de gestão de risco financeiro, associados a empréstimos bancários contratados entre 2003 e 2009, cresceram 229,4 milhões num ano, o que correspondeu a uma perda de 628,6 mil euros por dia em 2012. Um buraco potencial que penaliza o passivo da Metro do Porto.

A empresa fechou o ano passado com um passivo total de 4 mil milhões de euros, mais 414,6 milhões do que em dezembro de 2011. Os financiamentos (mais de 2,7 mil milhões de euros) e o buraco dos "swaps" são responsáveis por 89% do valor total do passivo.

O Relatório e Contas da Metro, aprovado esta sexta-feira pela Assembleia Geral da empresa, dá conta do agravamento do resultado líquido negativo: 491,4 milhões em 2012. No ano anterior, tinha sido de 397 milhões - quase menos 100 milhões de euros.