PROCURA UMA EMPRESA?

PESQUISE POR NOME, NIF OU MARCA, GRATUITAMENTE!

Relatórios de todas as empresas portuguesas

O Jogo ao Vivo

Desemprego

Ministro da Economia considera preocupantes números do desemprego

Ministro da Economia considera preocupantes números do desemprego

O ministro da Economia considerou, esta sexta-feira, alta e preocupante a taxa de 15,7% de desemprego em Portugal, em julho, referindo que o Governo não pode "baixar os braços" no combate ao problema, apesar da "tendência de estabilização".

Durante uma visita às minas de Aljustrel, questionado pelos jornalistas sobre se a taxa de desemprego registada em julho é "um número alto e preocupante", Álvaro Santos Pereira respondeu: "claro que sim".

"Nunca [Governo] podemos baixar os braços quando estamos a falar de valores de desemprego como estamos a falar. Portanto, apesar de ter havido uma tendência de estabilização este mês, o que é importante é reforçar o combate ao desemprego", defendeu o ministro.

O Eurostat revelou que a taxa de desemprego em Portugal atingiu os 15,7% em julho, valor idêntico a junho, enquanto, na Zona Euro e no conjunto da União Europeia, se manteve nos 11,3% e 10,4%, respetivamente.

"O combate ao desemprego passa por retomarmos o crescimento económico, pela formação profissional, pelo ensino técnicoprofissional, pela aposta no sistema de aprendizagem e por todas as reformas económicas, que foram feitas no último ano e que são fundamentais para voltarmos a crescer", defendeu Álvaro Santos Pereira.

Segundo o ministro, "nos últimos meses" o Governo tem "reforçado muito" as políticas de combate ao desemprego e está a "reforçar tudo o que são meios para combater o desemprego" e é o que vai continuar a fazer nos próximos meses e anos.