PROCURA UMA EMPRESA?

PESQUISE POR NOME, NIF OU MARCA, GRATUITAMENTE!

Relatórios de todas as empresas portuguesas

CTT

Trabalhadores dos CTT cumprem hoje segundo dia de greve parcial

Trabalhadores dos CTT cumprem hoje segundo dia de greve parcial

Os trabalhadores dos correios cumprem hoje o segundo dia de greve parcial em protesto, entre outras situações, contra a diminuição e congelamento de salários, a diminuição dos postos de trabalho e o encerramento de estações.

Os trabalhadores vão, à imagem do primeiro dia de greve, na quinta-feira, paralisar durante vários períodos, no final e no início dos turnos nos diferentes serviços.

Os serviços de tratamento, transportes postais, atendimento, serviços centrais e distribuição serão afectados durante o período normal de trabalho, perspectiva fonte sindical.

Os números da adesão à greve parcial dos correios no primeiro dia variaram entre os 50 por cento, segundo o sindicato, e os sete por cento, de acordo com os CTT, não implicando o encerramento de estações.

Segundo o secretário-geral do Sindicato Nacional dos Trabalhadores dos Correios e das Telecomunicações (SNTCT), Vítor Narciso, nas cidades de Lisboa e do Porto a adesão rondou os 50 por cento no tratamento e distribuição.

"É uma greve parcial, por isso as estações estão abertas e o serviço urgente é distribuído, pode é haver atrasos no correio normal", disse, manifestando-se "satisfeito com a resposta dada" pelos trabalhadores.

Fonte oficial dos CTT avançou, contudo, níveis de adesão à greve na ordem dos sete por cento, garantindo que o impacto está a ser "nulo no serviço postal, com garantias de cumprimento dos padrões habituais de qualidade" do serviço.

"Não foi necessário espoletar qualquer plano de contingência" e "todas as estações de correio permaneceram abertas", acrescentou.