Juros

Juros de Portugal batem máximos a cinco e a dez anos

Juros de Portugal batem máximos a cinco e a dez anos

Os juros exigidos pelos investidores para comprar dívida portuguesa estavam, esta quarta-feira, em máximos históricos a cinco e dez anos.

Pelas 17.00 horas, os juros pedidos para obrigações portuguesas no prazo dos dois anos negociavam-se no mercado secundário em quebra para os 14,590%.

Nos títulos a cinco anos transaccionavam-se a 18,790%. Os juros das obrigações a dez anos situavam-se nos 14,597%, de acordo com dados da agência de informação financeira Bloomberg.

Ainda segundo dados da Bloomberg, estes valores são máximos para as obrigações a cinco ou dez anos.

Em relação ao início da sessão, os juros dos títulos a cinco anos subiam 3,87%, e os das obrigações a dez anos subiam 2,9%o. Pelo contrário, para a dívida a dois anos os juros desciam 1,47%.

A dívida portuguesa tem estado nos últimos dias sob pressão nos prazos mais longos, com os investidores internacionais a temer um efeito de contágio da crise na Grécia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG