Desemprego

Mais de 140 mil trabalhadores podem ser dispensados, alerta Frente Comum

Mais de 140 mil trabalhadores podem ser dispensados, alerta Frente Comum

A Frente Comum de sindicatos da Administração Pública afirmou, esta segunda-feira, que é impossível chegar a acordo com o Governo terça-feira porque a proposta do executivo tem consequências muito graves, nomeadamente a dispensa de mais de 140 mil trabalhadores.

"Isto não é negociação e para nós é impensável qualquer acordo porque não temos condições para assumir um compromisso com o Governo com base em qualquer documento que venha a ser aprovado amanhã [terça-feira]", disse a coordenadora da Frente Comum, Ana Avoila, em conferência de imprensa.

A sindicalista considerou que o último documento que o Governo enviou aos sindicatos com as propostas de alteração à legislação laboral da função pública tem consequências "muito graves para os trabalhadores".

A grande novidade da proposta legislativa governamental é a possibilidade de rescisão contratual com os trabalhadores da função pública, mediante o pagamento de uma indemnização, cujos limites ainda estão em aberto.

Ana Avoila estima que as rescisões possam abranger mais de 140 mil trabalhadores, sobretudo pessoal auxiliar e operário.

Outras Notícias