Uma viagem pelo mundo, feita entre paredes

Uma viagem pelo mundo, feita entre paredes
Produzido por:
Brand Story

Para viajar não precisamos de entrar num avião, num carro ou num comboio. É nas paredes de um evento que acontece na Vila das Artes que vai conseguir viajar pelo mundo, seja ao vivo ou no conforto da sua casa.

A arte tem um papel cada vez mais fundamental nas nossas vidas e faz parte da nossa história. História que está espalhada pelas paredes de museus e que conta com a participação de artistas de todas as partes do mundo.

Com a pandemia mundial que veio afetar e mudar as nossas vidas, a cultura e a arte não foram exceção e viveram momentos complicados. Agora que vemos as coisas a voltar à normalidade, é também o momento de vermos a arte a renascer e a ganhar novamente o espaço que merece e nada melhor do que o fazer na Vila das Artes.

Desde 1978 que Vila Nova de Cerveira é palco para a reconhecida Bienal Internacional de Arte de Cerveira e este ano não é exceção. A XXI edição está de regresso de 1 de agosto a 31 de dezembro de 2020, por isso marque já no calendário um dia (ou mais) para a visitar.

Sob o tema "Diversidade-Investigação. O Complexo Espaço da Comunicação pela Arte", vão ser apresentadas mais de 350 obras de cerca de 370 artistas oriundos de 38 países. A grande novidade deste ano é que vai poder conhecer todas as obras ao vivo ou sem sair de casa, sempre gratuitamente.

Adaptando-se à nova realidade, mas mantendo o modelo que a tem vindo a caracterizar desde o início do seu percurso, o evento vai integrar uma exposição do concurso internacional e artistas convidados, 11 projetos curatoriais, conferências, conversas, intervenções artísticas, visitas guiadas e muito mais.

O mote é simples: apresentar ao público as mais recentes realizações artísticas e tendências estéticas. Nesse sentido, a Fundação Bienal de Arte de Cerveira vai apresentar pela primeira vez a sua edição digital, permitindo ao público a visita virtual à bienal de arte mais antiga do país e da Península Ibérica em qualquer parte do mundo.

Para além disso, vai existir ainda uma programação complementar nas redes sociais para possibilitar a participação e envolvimento dos visitantes. De forma gratuita, vão estar disponíveis entrevistas em ateliers, visitas guiadas e intervenções artísticas.

Como já é característico da Bienal Internacional de Arte de Cerveira, só no âmbito do Concurso Internacional serão apresentados 92 trabalhos selecionados de 80 artistas e vão ser atribuídos Prémios Aquisição no valor de 20 mil euros. Esta edição contou com a inscrição de 740 obras de 451 artistas provenientes de 40 países.

A Bienal Internacional de Arte de Cerveira tem vindo a ser, nas últimas décadas, um dos acontecimentos mais marcantes das artes plásticas no nosso país, sendo um evento de referência para a cultura artística nacional e internacional.

Mais do que a parte estética, o evento apresenta uma diversidade de narrativas e interpretações. Para além da integração de trabalhos no espaço público pela "Vila das Artes", o evento vai ainda expandir-se pelo norte de Portugal com exposições em: Alfândega da Fé, Viana do Castelo, Vila Praia de Âncora e Monção.

Aproveite esta oportunidade para introduzir mais arte e cultura na sua vida numa altura em que sentimos tanta falta de crescermos culturalmente. Entre na Vila das Artes e mergulhe nas paredes do evento que espelham o mundo.