Economia

PCP defende Alta Velocidade conjugada com modernização da ferrovia nacional

PCP defende Alta Velocidade conjugada com modernização da ferrovia nacional

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, expressou hoje, sábado, na Figueira da Foz, uma posição em defesa do investimento no projecto de Alta Velocidade, conjugando-o, no entanto, com uma aposta na modernização da rede ferroviária nacional.

"A Alta Velocidade é um investimento fundamental, Portugal não se pode isolar da Europa", disse Jerónimo de Sousa aos jornalistas, no final de um almoço-convívio com militantes comunistas na Figueira da Foz.

No entanto, o líder do PCP defende, como medidas de fundo, a valorização do caminho-de-ferro nacional e a necessidade da sua modernização.

"Ainda estamos a tempo de valorizar a nossa linha férrea nacional, sem prejuízo desse investimento que nos liga à Europa numa perspectiva de desenvolvimento", frisou.

O primeiro-ministro José Sócrates presidiu hoje à cerimónia de adjudicação da concessão do troço do TGV Poceirão-Caia, integrado na ligação ferroviária de Alta Velocidade entre Lisboa e Madrid.

O primeiro-ministro disse tratar-se do "primeiro passo", que é da "maior importância", para que a Alta Velocidade em Portugal "saia do papel" e se inicie "no terreno".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG