Economia

Preço do pretóleo ao nível mais baixo dos últimos nove meses

Preço do pretóleo ao nível mais baixo dos últimos nove meses

O preço do barril de crude Brent para entrega em junho baixou 0,70% no mercado de futuros de Londres e encerrou o dia de terça-feira nos 99,91 dólares, o preço mais baixo dos últimos nove meses.

O crude do Mar do Norte, que serve de referência nas transações internacionais, acabou a sessão na International Exchange Futures 0,71 dólares abaixo do valor com que encerrou a sessão anterior, que foi de 100,63 dólares.

O Brent desceu a barreira dos 100 dólares pela primeira vez em nove meses, em contexto de queda generalizada do preço das matérias-primas, no seguimento da divulgação dos últimos dados sobre as economias da China e dos EUA.

O conhecimento na terça-feira de que o crescimento económico chinês no primeiro trimestre de 2013 foi inferior ao esperado continuou hoje a minar a confiança dos mercados na recuperação da economia mundial e a semear dúvidas sobre o crescimento da procura de petróleo.

O crescimento económico anualizado da China foi de 7,7%, abaixo do que os analistas esperavam, o que levou a questionar o crescimento da segunda economia mundial.

Por outro lado, o Fundo Monetário Internacional (FMI) alertou para o elevado endividamento de algumas economias avançadas, como EUA, França, Reino Unido, Japão e Espanha.

Os mercados responderam com dúvidas ao aviso do FMI a esses países, aos que augurou um "caminho difícil e comprido".

Outras Notícias