Economia

PSD e CDS-PP querem comissão de inquérito às operações "swap"

PSD e CDS-PP querem comissão de inquérito às operações "swap"

PSD e CDS-PP vão propor a criação de uma comissão de inquérito aos contratos de cobertura de risco (`swaps") celebrados pelo setor empresarial do Estado, disse à Lusa fonte parlamentar.

O anúncio será feito cerca das 18.30 horas, em conferência de imprensa conjunta do PSD e do CDS-PP, no Parlamento.

Uma análise solicitada pelo Governo aos instrumentos financeiros subscritos por várias empresas estatais revelou que há produtos com características "problemáticas", incorporando estruturas "altamente especulativas", anunciou segunda-feira o ministério das Finanças.

"Concluiu-se que vários destes contratos têm características problemáticas por não se tratarem de meros instrumentos de cobertura de risco [`swaps"] e incorporarem estruturas altamente especulativas", lê-se no comunicado enviado pelo Ministério das Finanças.

Em causa estão cerca de 3 mil milhões de euros no perímetro das empresas públicas em responsabilidades potenciais por utilização de instrumentos derivados.

Na segunda-feira, vários órgãos de comunicação social noticiaram que a saída de Silva Peneda e Braga Lino do Governo - foram exonerados dos cargos de secretário de Estado adjunto do ministro da Administração Interna e de secretário de Estado adjunto e da Defesa Nacional, respetivamente - se deveu a eventuais irregularidades detetadas pela Inspeção-Geral de Finanças em contratos de risco que negociaram quando eram gestores da empresa Metro do Porto.