Desemprego

Sócrates: Subida do desemprego resulta de novo método

Sócrates: Subida do desemprego resulta de novo método

O secretário-geral do PS reagiu à taxa de desemprego de 12,4% em Portugal considerando que é resultado da nova metodologia do Instituto Nacional de Estatística e da crise internacional.

José Sócrates falava depois de um sessão de pré-campanha dos socialistas em Vila Franca de Xira sobre o programa Novas Oportunidades.

"A mudança para o número de 12,4% deve-se à nova metodologia e o INE teve o cuidado de esclarecer essa diferença", sustentou o primeiro-ministro demissionário.

Nas declarações aos jornalistas, José Sócrates advogou também que a crise internacional "provocou um disparo do desemprego em todos os países desenvolvidos".

"O mais importante para respondermos ao problema do desemprego é concentrarmo-nos na recuperação económica em termos de crescimento, mas também no aumento das qualificações. Para esse objectivo o programa Novas Oportunidades dá um excelente contributo", acrescentou.

A taxa de desemprego atingiu os 12,4% no primeiro trimestre deste ano com a nova metodologia de recolha de informação, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

No entanto, o Instituto refere também que a taxa de desemprego do primeiro trimestre teria sido de 11,4% caso tivesse sido mantida a metodologia anterior de recolha de informação.

PUB

Outras Notícias