Economia

Técnicos de "handling" de aeroportos marcam greve para dia 14

Técnicos de "handling" de aeroportos marcam greve para dia 14

O Sindicato dos Técnicos de Handling de Aeroportos anunciou esta segunda-feira ter entregado um pré-aviso de greve para o dia 14 de novembro, data da greve geral convocada pela CGTP.

Em comunicado, o Sindicato dos Técnicos de Handling de Aeroportos (STHA), sem filiação em nenhuma confederação, explicou ter decidido por unanimidade a greve "contra as medidas de austeridade, já aplicadas, bem como as anunciadas para 2013", mas também "contra a ausência total de diálogo entre o Governo e os parceiros sociais" dentro do setor, entre outras razões ligadas à situação atual do país.

O sindicato criticou a "falta de transparência nos processos de privatização das empresas do Setor Empresarial do Estado, muito particularmente da TAP e da ANA" e mostrou-se contra "a falta de independência e intervenção do regulador", no caso, o Instituto Nacional de Aviação Civil.

No sábado, o Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública e de Entidades com Fins Públicos (SINTAP), afeto à UGT, anunciou que vai marcar uma greve para 14 novembro, o mesmo dia da paralisação convocada pela CGTP, contra as medidas de austeridade.

O coordenador da FESAP Nobre dos Santos disse à Lusa que a marcação da greve do SINTAP para a mesma data que a paralisação convocada pela CGTP tem como objetivo "mostrar a união entre os trabalhadores".

Entretanto, esta manhã, também o Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE), afeto à UGT, anunciou uma greve dos trabalhadores da administração pública a 14 de novembro.

Também o Sindicato Democrático dos Trabalhadores das Comunicações e dos Media (SINDETELCO), afeto à UGT, anunciou hoje que vai emitir um pré-aviso de greve nos CTT para 14 de novembro, no mesmo dia da greve geral convocada pela CGTP.