Premium

Vazio legal admite novos créditos para quem aderiu a moratórias

Vazio legal admite novos créditos para quem aderiu a moratórias

Quem tem empréstimos e aderiu às moratórias pode pedir novos créditos, um cenário que o legislador não previu e que os bancos e a Deco temem que leve ao aumento do malparado.

Até ao final de maio, havia mais de 688 mil contratos "suspensos" e a hipótese de aderir às moratórias, que tinha terminado a 30 de junho, já é possível desde anteontem e até 30 de setembro próximo.

"Não existe uma proibição de celebração de novos contratos de crédito por parte de clientes que beneficiem da moratória pública ou de moratórias privadas", confirma o Banco de Portugal, ressalvando que "antes de conceder um novo crédito a instituição deve avaliar a capacidade do cliente para cumprir as obrigações que pretende assumir".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG