Conteúdo Patrocinado

Ponte de Lima: um refúgio paradisíaco

Ponte de Lima: um refúgio paradisíaco
Produzido por:
Brand Story

Envolta num vale de beleza ímpar, Ponte de Lima é um lugar paradisíaco para quem procura um descanso relaxante e plena descontração. Aqui só o correr das águas, o sussurrar do vento e o canto dos pássaros quebram o silêncio.

Com a correria do dia-a-dia, descansar tornou-se uma prioridade e um autêntico desafio. A azáfama das cidades, o stress do trabalho e as responsabilidades diárias levam-nos a procurar um bom refúgio para tirar uns dias de descanso. Mesmo aqui ao lado, e sem sair do nosso país, existe um lugar paradisíaco para quem procura um descanso relaxante e plena descontração. Bem-vindo a Ponte de Lima (ou, para os amigos, a Vila Mais Antiga de Portugal).

O concelho de Ponte de Lima reúne todas as condições de ruralidade e ambiente que o transformam num local paradisíaco para quem procura uma forma diferente de passar os seus dias, num constante contacto com a natureza, com as gentes e com o meio rural. O património, o ambiente e a ruralidade são motivos de orgulho para a vila que não quer ser cidade. Deixe-se guiar pelos trilhos rurais - ora pelo silêncio, ora pelo canto dos pássaros - e admire a envolvência, os riachos, as vinhas, os campos de milho e os pomares num relaxante passeio.

Vai um mergulho? Pelos túneis de árvores e sombras refrescantes, pode dirigir-se às praias fluviais quase desertas nas freguesias da Ribeira, da Gemieira ou da Gandra. A poluição, felizmente, ainda não chegou a estas paragens. Visite a praia fluvial do Toca e a praia fluvial Pé do Negro. Zonas que transmitem paz e sossego, perfeitas para desfrutar em plena sintonia com a natureza. Aqui, só o correr das águas, o sussurrar do vento e o canto dos pássaros quebram o silêncio. A beleza natural conforta o corpo, a ruralidade tranquiliza a mente e a gastronomia alimenta a alma.

O tradicional Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima, servido com rojões de porco, e a lampreia do Rio Lima são razões suficientes para se sentar longas horas à mesa. Já de barriga cheia, há sempre espaço para a sobremesa: leite-creme queimado. Os vinhos verdes de Ponte de Lima devem ser apreciados simultaneamente para refrescar o dia e descomprimir toda a tensão acumulada. Para queimar as calorias, o Rio Lima convida-o a experimentar um desporto náutico nas suas águas calmas. A vila tem para oferecer, através de várias empresas de animação turística, uma panóplia diversificada de experiências únicas e inesquecíveis como um sereno passeio de canoa, de Kayak ou no tradicional barco de Água - Arriba.

Na vila e arredores, existe um conjunto notável de jardins que também convidam a longos passeios, à leitura de um livro, a conversas profundas e a sestas na relva. Do Parque Temático do Arnado à Avenida dos Plátanos www.visitepontedelima.pt/pt/, passando pelo Jardim dos Terceiros, os enormes espaços verdes e floridos estimulam todos os sentidos. Independentemente da estação do ano, os bancos de jardim proporcionam uma agradável pausa às pernas que visitam esta terra minhota.

Descanso é sinónimo de repouso e, depois de todas as atividades e experiências, nada melhor que conciliar uns dias de conforto no berço do Turismo de Habitação. Tem à sua disposição uma panóplia de casas, solares que aliam tradição ao bem-estar, conforto e requinte nas várzeas polvilhadas de aldeias e socalcos. Com o maior número de unidades de Turismo de Habitação e Turismo em Espaço Rural do país, em Ponte de Lima vai sentir-se em casa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG