Redes sociais

Facebook estuda versão do Instagram para menores de 13 anos

Facebook estuda versão do Instagram para menores de 13 anos

A intenção é criar uma plataforma adequada aos mais novos e controlada pelos pais. Além de um Instagram pensado para menores de 13 anos, o gigante das redes sociais está a preparar uma série de medidas que garantam a proteção dos adolescentes nestas plataformas.

O Facebook está a ponderar lançar uma versão do Instagram para crianças menores de 13 anos.

A notícia foi confirmada ao "The Guardian" por um porta-voz da empresa, segundo o qual o objetivo é criar um lugar seguro, controlado pelos pais, à semelhança do "Messenger Kids", destinado a utilizadores dos seis aos 12 anos.

"Há cada vez mais crianças a perguntar aos pais se podem aderir a estas plataformas para estar em contacto com os amigos. Neste momento, não há muitas opções. Por isso, estamos a trabalhar na criação de produtos adicionais que sejam adequados aos mais novos e geridos pelos pais", explicou.

No início da semana, o Facebook reconheceu que, embora o Instagram solicite a idade dos novos utilizadores no momento da criação da conta - pretendendo garantir que têm mais de 13 - a verdade é que nada os impede de mentir. Problema que será ultrapassado com um mecanismo de inteligência artificial que permita salvaguardar essa questão.

A empresa anunciou ainda o objetivo de apostar em novos recursos de segurança, nomeadamente impedir que adultos enviem mensagens para menores de 18 anos que não os sigam, enviar notificações para adolescentes que recebam mensagens de adultos que enviem muitos pedidos de amizade e dificultar a pesquisa de menores, quando feita por adultos.

Além disso, os jovens serão "aconselhados" a colocar os seus perfis em privado no momento do registo na plataforma.

PUB

De referir que, segundo um estudo de fevereiro do Comissário de Segurança Eletrónica da Austrália, 57% dos adolescentes do país usam Instagram, sendo que 30% relataram ter sido contactados por estranhos e 20% admitiram ter recebido conteúdos impróprios ou indesejáveis nas redes sociais utilizadas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG