01.10.2019

Chile

Quase tão grande como a Sagrada Família: assim será o maior telescópio do Mundo

Quase tão grande como a Sagrada Família: assim será o maior telescópio do Mundo

Cerca de 3400 toneladas de peso, quase 74 metros de altura e 86 metros de diâmetro. Assim será o "Extremely Large Telescope" (ELT) - ou "telescópio extremamente grande", em português - quando estiver concluído, em 2024, no deserto de Atacama, no Chile.

Uma vez construído, o ELT, operado pelo European Southern Observatory (ESO) - ou Observatório Europeu do Sul - será o maior telescópio terrestre em funcionamento. As obras do projeto já começaram, mas, segundo explica o ESO em comunicado, foi difícil decidir o local da construção, tendo em conta o tamanho do telescópio.

Foram testados locais em Espanha, Marrocos e Argentina, mas, em abril de 2010, foi escolhida a montanha Cerro Armazones, no Chile, devido a uma série de fatores geográficos como a altitude, o clima e o céu escuro do deserto de Atacama. O local também tem baixa precipitação, uma velocidade média do vento de 25 quilómetros por hora e muito pouco vapor de água no ar, tornando-o perfeito para uma astronomia de sucesso, de acordo com o ESO.

O ELT é um telescópio reflexivo totalmente ajustável. O design inclui um espelho primário segmentado com 39,3 metros de diâmetro, um espelho secundário com 4,2 metros de diâmetro e um espelho terciário com um diâmetro de 3,75 metros.

O telescópio terá ainda uma tecnologia inovadora de ótica adaptável que ajudará a corrigir distorções na atmosfera da Terra, tornando as imagens mais nítidas do que as capturadas no espaço, explica o ESO.

Outro projeto do Observatório, o "Very Large Telescope" (VLT) - ou "telescópio muito grande" - está a apenas 23 quilómetros de distância do local do ELT, o que significa que grande parte da infraestrutura necessária para construir e manter o novo telescópio já estava pronta.

Um dos principais objetivos do ELT é encontrar e descobrir as características das atmosferas de exoplanetas rochosos em áreas habitáveis, além de estudar a formação de estrelas, cosmologia ou física fundamental, entre outras pesquisas.