Carros elétricos

Hyundai anuncia negociações com a Apple para novo carro e as ações disparam

Hyundai anuncia negociações com a Apple para novo carro e as ações disparam

As ações do fabricante de automóveis sul-coreano Hyundai dispararam, esta sexta-feira, face às notícias de que estava a negociar com a Apple uma parceria na produção de veículos elétricos autónomos. Mas o anúncio já sofreu um revés.

As ações da Hyundai Motor dispararam 19,4 por cento em Seul e as da sua afiliada Kia também subiram 8,4 por cento, depois da estação por cabo "Korea Economic TV" dizer que a fabricante do iPhone tinha abordado a empresa sul-coreana para discutir uma possível parceria no fabrico de carros elétricos e de baterias para a Apple.

A Hyundai inicialmente disse que estava num "estágio inicial" de negociações com a Apple, mas horas depois recuou e disse que estava em conversações com uma série de potenciais parceiros sem nomear a Apple.

"A Apple e a Hyundai estão em negociações, mas elas estão num estágio inicial e nada foi decidido", dizia o comunicado inicial da fabricante de automóveis, revisto posteriormente.

O valor da Hyundai disparou 9 mil milhões de dólares (cerca de 7,33 mil milhões de euros), após o anúncio das negociações com a Apple, diz a "BBC".

A Apple é conhecida pelo seu ultra-secretismo quando se trata de novos produtos e parcerias. Ainda no mês passado, surgiram novamente notícias de que a Apple estava a trabalhar na tecnologia de carros autónomos, a lançar em 2024, mas as informações não foram confirmadas nem comentadas pela empresa.

PUB

Especialistas na matéria acreditam que o veículo elétrico da Apple ainda deverá demorar pelo menos cinco anos a chegar ao mercado, com o início da produção a atrasar devido à pandemia, segundo a "BBC".

Os planos da Apple para produzir um carro elétrico com uma bateria revolucionária, conhecido como Projeto Titan, já vieram à tona em 2014. Desde então, correm rumores sobre quem o produziria, já que poderá ser muito difícil para o gigante tecnológico fabricá-lo sozinho.

O mercado dos carros elétricos está cada vez mais competitivo, com fabricantes como a Tesla a valorizarem de forma muito rápida.

Ainda esta quinta-feira, Elon Musk, o patrão da Tesla, tornou-se na pessoa mais rica do mundo, graças a uma subida das ações da empresa em bolsa, segundo a agência Bloomberg.

Outras Notícias