Faceionário

A inteligência artificial na luta contra o suicídio

A inteligência artificial na luta contra o suicídio

Em Espanha, a cada hora, são cometidos cerca de 2,5 suicídios. Muitos jovens utilizam as redes sociais, em particular o Twitter, para partilhar o sofrimento por que passam. Milhares de tweets que podem ser analisados e salvar vidas.

É precisamente isso que a empresa AP Exata, com escritórios em Braga, em parceria com o Twitter Espanha e a Publicis Madri, está a fazer. O Code of Hope é um projeto que utiliza a Inteligência Artificial para encontrar mensagens de pessoas em situações de risco.

A tecnologia analisa os tweets que são criados e identifica as palavras que poderão indiciar que alguém está numa situação de risco, apoiando-se no trabalho do psicólogo Robert Plutchik, que identificou 32 sentimentos relacionados com a tristeza. O algoritmo identifica essas palavras e dá o sinal de alerta.

Depois, a Teléfono de la Esperanza, uma instituição que trabalha gratuitamente no apoio a pessoas com depressão, envia uma mensagem privada automática para os utilizadores em risco e eles podem solicitar apoio por meio de um chat desenvolvido pelo Twitter, especialmente para esse projeto.

Depois do primeiro contacto, o algoritmo vai continuar a analisar comportamento do utilizador na rede social.

Até ao momento, foram já identificados mais de 300 tweets. Todo os utilizadores foram contactados, acompanhados e tratados.