Consola

Nove anos e 76 milhões de vendas depois, a Nintendo 3DS será descontinuada

Nove anos e 76 milhões de vendas depois, a Nintendo 3DS será descontinuada

A Nintendo descontinuou a consola portátil 3DS nove anos e meio depois do lançamento e com um total de cerca de 76 milhões de vendas.

Um comunicado no site da empresa japonesa informa que "a fabricação da família de consolas Nintendo 3DS acabou". O dispositivo tinha a capacidade de induzir o olho humano a ver imagens 3D como as de algumas exibições de cinema, mas sem óculos especiais.

No entanto, o lançamento da consola portátil, em 2011, teve uma receção "morna" e só ganhou popularidade mais tarde, refere um artigo da BBC.

O fim da produção da consola já era esperado há muito tempo. No ano passado, a empresa tinha dito que não planeava fazer mais nenhum novo jogo original para o sistema. Isso significa que a Nintendo DS original mantém o título de consola portátil mais vendida. E a Nintendo Switch, uma máquina híbrida portátil e doméstica, é o foco atual da Nintendo.

Até junho deste ano, toda a família de consolas 3DS tinha vendido quase 76 milhões de unidades, disse a Nintendo, mostrando que o aparelho superou em muito a consola doméstica da mesma época, a WiiU, que vendeu menos de 14 milhões de unidades.

Mas a moderna Nintendo Switch, lançada em 2017, já vendeu mais de 60 milhões de unidades e também pode ser jogada como consola portátil.

Enquanto a Nintendo insistia inicialmente que a Switch não era uma "substituição" da 3DS, o declínio das consolas portáteis e das vendas significava que o tempo do aparelho era limitado. Desde o início deste ano até ao mês de março, apenas 69 mil consolas 3DS foram vendidas.

Outras Notícias