Neuralink

Ouvir música sem "headphones" e com um chip no cérebro? Elon Musk diz que sim

Ouvir música sem "headphones" e com um chip no cérebro? Elon Musk diz que sim

A Neuralink, start-up fundada pelo CEO da Tesla e da SpaceX, está a desenvolver um dispositivo que permitirá aos cidadãos ouvirem música sem auscultadores. O passo seguinte será utilizar esse chip para curar doenças do foro psicológico.

A ideia parece complexa, mas Elon Musk promete simplificá-la. O CEO da marca de automóveis Tesla acredita que, em breve, vamos poder prescindir de usar "headphones" e passar a ouvir música através de um implante no cérebro que uma das suas empresas está a desenvolver.

É que além de liderar também a empresa aeroespacial SpaceX, o engenheiro cofundou, em 2016, a Neuralink, uma start-up que cria "interfaces cérebro-computador" com o intuito de "ajudar os humanos a acompanhar os avanços da inteligência artificial".

A empresa promete novidades a 28 de agosto, mas, em resposta ao cientista Austin Howard, no Twitter, Musk já confirmou que a tecnologia da Neuralink permitirá que as pessoas ouçam música diretamente através de um chip. Acrescenta ainda que o interface poderá "ajudar a controlar os níveis hormonais, usando-os a nosso favor", por exemplo controlando os níveis de ansiedade.

Segundo divulgou o TechCrunch, a ideia é implantar fios da espessura de uma teia de aranha no cérebro das pessoas, que ficarão, assim, conectadas a um dispositivo externo. A meta para o futuro é que a ligação possa ser feita completamente sem fios.

Outro objetivo a longo prazo é que, com o dispositivo da Neuralink, seja possível curar doenças do foro psicológico como a depressão ou a dependência de substâncias. Citado pelo jornal britânico The Independent, Musk explica que o processo de instalação do chip será semelhante ao da cirurgia ocular a laser Lasik.

Outras Notícias