Jogo virtual

Pais pagam explicações para ajudar filhos a passar de nível no "Fortnite"

Pais pagam explicações para ajudar filhos a passar de nível no "Fortnite"

Tal como contratam explicadores de Matemática e de Português, com a crescente popularidade do "Fortnite", os pais estão agora à procura de especialistas no jogo virtual para ajudar os filhos a passar de nível.

As explicações online, através das redes sociais ou em sites específicos, podem custar mais de 25 dólares (21,60 euros) por hora para que as crianças e jovens possam melhorar as suas habilidades no jogo que tem a função Battle Royale, onde 100 jogadores online competem numa batalha que leva à morte, com apenas um vencedor.

No entanto, há duas principais razões para os pais quererem ver os filhos bem sucedidos neste jogo, segundo avançou o jornal "The Wall Street Journal": exclusão social e bolsas no ensino superior.

A pressão social para se ser o melhor aplica-se em vários aspetos da vida, aos jogos também. Os pais norte-americanos entrevistados pelo jornal não querem que os filhos sejam postos de parte ou "gozados" na escola por perderem neste que é um dos mais populares jogos virtuais atualmente.

Além disso, existem algumas faculdades norte-americanas que oferecem bolsas de estudo para equipas de eSports (desporto virtual), que incluem os melhores jogadores de "Fortnite".

Esta nova prática de desporto é um formato lucrativo tanto para as faculdades, como para os estudantes. Um dos clubes de eSports de uma faculdade anunciou que iria oferecer um milhão de dólares (862.708,56 euros) em bolsas de estudo e prémios para estudantes que estavam a competir em seis diferentes jogos. A Epic Games, que detém o jogo, tinha anunciado que, na temporada 2018 - 2019, iria disponibilizar 100 milhões de dólares (86.270.855,98 euros) para financiar prémios para as competições.

O jogo "Fortnite" tem apenas um ano e já tem mais de 125 milhões de jogadores pelo mundo. A versão mobile já terá ultrapassado o jogo "Candy Crush Saga".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG