Redes Sociais

Revelados dados confidenciais de 533 milhões de utilizadores do Facebook

Revelados dados confidenciais de 533 milhões de utilizadores do Facebook

Nomes completos, moradas e números de telefone, entre outros dados, surgiram num fórum de piratas informáticos.

Os dados pessoais de 533 milhões utilizadores da rede social Facebook de 106 países reapareceram gratuitamente online este sábado, noticiou a revista "Business Insider". A descoberta foi feita num fórum de piratas informáticos por Alon Gal, diretor da empresa de crimes cibernéticos Hudson Rock.

Entre os dados confidenciais inclui-se informação pessoal como nomes completos, moradas, datas de nascimento, biografias, números de telefone e mesmo endereços de email.

"São dados antigos e que foram já reportados em 2019", disse um porta-voz do Facebook em comunicado. "Encontramos e corrigimos esse problema em agosto de 2019". Na altura, a rede social corrigiu uma falha na sua tecnologia que permitia que os dados pudessem ser livremente extraídos do Facebook.

Bancos de dados, especialmente se forem grandes ou raros, muitas vezes não são partilhados online de imediato, porque "as pessoas que os possuem tentarão rentabilizá-los durante o máximo de tempo que puderem", disse Alon Gal no Twitter. "O processo às vezes leva anos, às vezes só alguns dias, mas eventualmente todos os bancos de dados privados acabam por surgir na rede se tiverem sido vendidos".

Esta revelação de dados ameaça minar o modelo de negócio do Facebook, que consiste em reunir grande quantidade de informações pessoais e usá-las para vender publicidade através de anúncios direcionados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG