Setúbal

Detido no aeroporto por suspeita de matar companheira grávida

Rogério Matos

Denise Rosa foi esfaqueada mortalmente pelo namorado|

 foto Facebook

Homicídio ocorreu na rua José Augusto Pimenta, número 35, perto do Tribunal do Barreiro|

 foto DR

Uma mulher grávida terá sido assassinada à facada em casa pelo companheiro no Barreiro. O suspeito, de 31 anos, de nacionalidade cabo-verdiana foi detido pela Polícia Judiciária de Setúbal no aeroporto de Lisboa, quando tentava adquirir um bilhete de avião para fora do país.

O suspeito está nas instalações da Polícia Judiciária de Setúbal

Foto: DR

O homicídio ocorreu na noite de terça-feira na rua José Augusto Pimenta, número 35, perto do Tribunal do Barreiro. O suspeito terá fugido após o crime. Está agora nas instalações da Polícia Judiciária de Setúbal e será levado a tribunal para aplicação de medidas de coação.

Ao que foi possível apurar, não havia queixas de violência doméstica feitas pela mulher, Denise Rosa, de 38 anos. A vítima deixa quatro filhos, três menores de idade.

O suspeito escreveu uma publicação nas redes sociais a dar conta do que fez. Um texto que foi enviado às autoridades por alguém que o leu. A PJ de Setúbal levou o documento a sério e encontrou a mulher em casa morta com várias facadas. Logo de seguida montou uma caça ao homem e alertou o aeroporto, visto que este poderia sair do país.

Esta manhã de quinta-feira, o suspeito voltou a fazer nova publicação nas redes sociais, a pedir a quem partilhou a anterior que a apagasse, alegando que a família em Cabo Verde era alvo de ameaças. O suspeito foi detido pouco depois pela PJ.

Relacionadas