GNR

Estudante detido em Mirandela por tráfico de droga fica em prisão domiciliária

Fernando Pires

Material apreendido pela GNR ao suspeito

Foto Dr/gnr

A GNR deteve um homem de 24 anos por tráfico de droga no concelho de Mirandela, que, após ter sido presente a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Mirandela, ficou obrigado a permanência na habitação, controlado por pulseira eletrónica, e proibido de contactar com pessoas conotadas com o tráfico de estupefacientes.

A detenção ocorreu, na passada sexta-feira, durante uma operação especial de prevenção criminal que decorreu no nó do Romeu, de acesso à Autoestrada n.º 4 (A4), onde foram fiscalizadas todas as viaturas que ali passaram. "Os militares constataram que o indivíduo demonstrou um comportamento suspeito, tendo sido detetado, na sua posse, diverso produto estupefaciente", adianta o Comando Territorial de Bragança da GNR, em comunicado divulgado esta segunda-feira.

Posteriormente, "foram realizadas diligências policiais, pelo Núcleo de Investigação Criminal de Mirandela, que culminaram com a realização de duas buscas, uma domiciliária na cidade de Bragança, e uma em viatura".

Nas buscas, foram apreendidas 990 doses de haxixe, mais de dois mil euros, um computador portátil e um telemóvel.

Segundo a GNR, "o detido procedia à venda do produto estupefaciente na cidade de Bragança". Ao que apuramos, trata-se de um estudante residente no distrito do Porto e que frequenta o Instituto Politécnico de Bragança.

A operação contou com o reforço de meios cinotécnicos do Comando Territorial de Bragança.